10 Motivos para assistir Abnormal Summit

. 0 Comentários .

Olá Girafinhas, como estão? Sei, que estou um pouquinho por fora do blog, mas minhas férias estão chegando e prometo trazer mais resenhas. Enfim, já faz um seculo que queria assistir Abnormal Summit e só agora tive a chance, pois minha querida Netflix o colocou no catalogo. Embora, ela não tenha disponibilizado todos os episódios desse programa amorzinho, ainda assim, andei vasculhando pela net até achar um fórum próprio para ele e estou baixando alguns episódios (rsrs).

 

 

Decidi fazer um post diferente para este programa e espero que gostem desse meu novo jeito.

Sobre Abnormal Summit

O programa Abnormal Summit é exibido pela JTBC desde 2014. O programa simula reuniões com representantes estrangeiros que vivem na Coreia do Sul. Os temas são variados e pouco convencionais, além da maneira descontraída e divertida que são debatidos.

 

 

1° Motivo: Culturas diferentes em um só lugar.

 

Acho que nunca vi tanta nacionalidades diferentes reunidas em um só programa como em Abnormal Summit. Ele reuni 12 estrangeiros, fora os apresentadores que são sul-coreanos, temos alguns convidados que vareiam entre celebridades sul-coreanas à outros estrangeiros de um país diferente do elenco. O legal dessa misturada toda é que podemos conhecer um pouco de cada país e até mesmo esclarecer alguns dos preconceitos que possuímos sobre eles. Assim como, conhecemos países que nem sabíamos que existiam, tipo Azerbaijão, pode ser ignorância minha, mas nunca tinha ouvido falar e adorei descobri-lo.

 

2° Motivo:Elenco

 

Na primeira temporada do programa eram 11 estrangeiros, mas a partir da segunda, o elenco ganhou mais um país na cúpula. Infelizmente ou não, ocorreram algumas mudanças nos membros do programa. O que por um lado é uma pena, já que nos apegamos, por outro podemos conhecer outros países. Enfim, os representantes que deram o ar da graça por mais tempo foram os do; EUA – Tyler Rasch, Gana – Sam Okyere, China – Zhang Yuan, Alemanha – Daniel Lindemann, Itália – Alberto Mondi, Canada – Guillaume Patry. O legal deles é que são pessoas com personalidades diferentes e que possuem seu jeitinho especial de se expressar. Embora, seja um fato que nem sempre irão concordar com o posicionamento do outro, dar para ver o respeito que possuem pelas opiniões divergentes e como tentam entrar em um consenso. Sem falar, que o elenco é bem divertido e isso deixa o debato mais descontraído.

 

3° Motivo: Temas pouco convencionais, mas interessantes.

 

O foco é ter um bom debate e a cada episódio um telespectador escolhe o tema. Dos que pude assistir, todos os temas eram ligados ao nosso cotidiano e que na maioria das vezes passam despercebidos. É incrível como de um assunto um tanto pequeno, pode-se sair um debate em tanto. Assim como, aprendemos como as demais culturas se posicionam em relação a eles.

 

4° Motivo: Um debate leve e descontraído

 

Não sei vocês, mas quando penso em debate já me surge aquela ideia de coisa lenta e chatinha, no entanto, Abnormal Summit é completamente o aposto disso. Com um toque casual parece até uma conversa entre amigos na mesa. Assim como, o dialogo segue um bom fluxo e as horas passam sem nem percebemos. Além disso, acabamos nos identificando com alguns pontos de vistas abordados ou então passamos a ver o outro lado na mesma moeda.

 

5° Motivo: Tem um representante brasileiro

 

Como já dizia alguns professores de Geografia, brasileiro tem em todo lugar e na Coreia do Sul não é diferente. Nosso representante é Carlos Gorito que trabalha na Embaixada Brasileira em Seol. Gostei do fato de temos um representante no programa e assim esclarecer alguns estereotípico em relação ao Brasil. Logo na sua estréia, já deixou uma boa impressão, afinal demonstrou desenvoltura na hora de argumentar. Também não posso esquecer do pequeno desentendimento com o representante do Egito ( vou falar no outro tópico). Enfim, Carlos Gorito foi uma das melhores escolhas para nos representar, infelizmente com a renovação do elenco, teve que sair do programa junto com os demais.

 

Imagem relacionada

 

6° Motivo: Os convidados

 

O cada episodio temos um ou mais convidados que irão representar a Coreia do Sul. É interessante ver o ponto de vista de algumas celebridades. Embora no começo fiquem intimidadas com o formato do programa, logo podemos ver-las se envolverem na discussão e até vemos um lado que não conhecíamos delas.

 

7°Motivo: Ótimo para quem vai prestar vestibular

 

Estaria mentido se dissesse que esse programa não aumentou minha bagagem de conhecimento. Isso porque, cada episódio apresenta um pouco de História e de atualidade sobre cada país. Assim como, podemos ver como cada nação se comporta em determinada situação. Acredito que o conteúdo abordado em Abnormal Summit é importante para quem vai prestar o “maravilhoso” Enem. Alguns dos temas abordados encaixam-se perfeitamente em uma redação ou até mesmo em questões da área de Humanas. O melhor de tudo é que aprendemos enquanto estamos nos entretemos, ou seja uma das melhores maneiras de aprender.

 

8° Motivo: Algumas “tretas” para dar aquela agitada

Claro que nem sempre eles irão entrar em um consenso, logo algumas discussões surgem para dar uma animada. Uma das que ficou bem conhecida no programa foi a do Brasil contra o Egito. O que era de se esperar, já que um país é conservador e o outro dar mais liberdade para a população. E como havia dito antes, por mais que tenham essas “tretas’ no programa, é interessante como há um respeito pelo outro e isso que falta em algumas discussões em redes sociais.

 

9°Motivo: Os momentos divertidos

 

Além de ser um debate leve e descontraído, temos os momentos divertidos no programa que geralmente são no inicio. Seja um novo convidado apresentando sua terra para os outros, seja alguma brincadeira do próprio elenco. E por essas e outras que Abnormal Summit consegue ser muito mais que apenas um debate.

 

10° Motivo: Nos faz refletir sobre assuntos do cotidiano

As vezes é muito fácil só dizer que algo é certo ou errado, mas nunca paramos para refletir sobre como tal problema pode estar associado outras coisas. Além disso, por vemos uma terceira opinião acabamos refletindo sobre a nossa e até podemos acabar mudando-a. É muito legal ver o ponto de vista de várias pessoas e perceber como a cultura pode influenciar sobre os pensamentos de alguém. Assim como, temas que antes pareciam insignificantes podem de fato serem importantes, além de renderem um bom debate.

 

Espero que tenham gostado. Foi a primeira vez que fiz um post nesse estilo

 

You Might Also Like

No Comments

Leave a Reply