in Filmes

Resenha: El Bar

at
resenha-el-bar

Olá Girafinhas

Feriado ai e eu estou atolada em trabalhos da Faculdade, mas de pouquinho em pouquinho a gente arruma um jeito, né ? Hoje trago a resenha do filme EL Bar, um filme espanhol que está na NETFLIX . Vi a indicação no blog Who’s Thanny junto com outros filmes do gênero e fiquei bastante curiosa por causa da sinopse. E ai, bora a resenha?

Nome: EL Bar

Diretor: Álex de la Iglesia

País: Espanha

Ano: 2017

Duração: 102

Gênero: Terror, Comédia.

Sinopse: Em um café no centro de Madrid, pessoas tomam o seu café da manhã tranquilamente, como de costume. Mas, quando um dos clientes leva um tiro na cabeça ao colocar os pés fora da loja, o clima de tensão invade o local. Agora, eles estão presos, e temem sair do local e acabar terminando com o mesmo destino do homem. O problema é que a convivência com estranhos pode ser tão perigosa quanto sair dali.

 

El Bar é um filme que começamos sem expectativas, mas que aos poucos vai nos surpreendendo. A trama tem uma premissa simples, 9 pessoas presas em um bar sem saber o que os espera. Como dar para perceber pelos filmes que resenho, amo esse estilo de temática, afinal é ai que vemos o quanto as pessoas mudam quando suas vidas estão em risco. Não conheço muito filmes latinos, mas a cada que assisto, vou me interessando mais por essas produções.

El Bar tem um bom desenvolvimento, existe uma coisa aqui e ali que achei desinteressante, mas que não foram grandes coisas. Os personagens eram exocêntricos e no inicio do filme temos uma serie de bons diálogos. Mesmo a trama sendo simples, conseguiu nos prender a cada acontecimento e usou ao seu favor pequenos truques para dar aflição. Como também, não podemos esquecer que o roteiro trouxe alívios cômicos e conseguiu mistura bem esses dois gêneros.

12 pessoas estavam em um bar, entre elas, Elena que havia entrado apenas para carregar o celular. O que ninguém sabia era que um homem seria morto ao sair, como também, ele não será um único.  Não se sabe o que causou o assassinato, sabe-se apenas que quem cruza a porta do bar acaba morto por um tiro. Restando apenas 9 sobreviventes, eles terão de quebrar a cabeça para descobri uma saída. Porém, a tarefa não é da mais fácil, logo que são pessoas diferentes.

O filme não causa medo, mas nos deixa aflitos e curiosos para saber como irá terminar. Os acontecimentos foram imprevisíveis e o seu desfecho até que deu para deduzir, porém não tira os créditos da produção. Assim como, o elenco interpretou bem seus personagens que embora tenham sido excêntricos passaram uma sensação  crível.

Entre as 9 pessoas confinadas, temos personalidades completamente distintas e ainda com pouco tempo de confinamento o desentendimento é inevitável. No bar temos  a dona, Amparo, uma mulher mesquinha e de temperamento forte. Seu ajudante, Sátur, um homem ingenuo e obediente. Elena, uma mulher azarada no amor que estava preste a ir em um encontro. Trini uma senhora viciada em jogos. Israel um mendigo num tanto maluco que associava os acontecimentos a fragmentos da bíblia – O ator mandou muito bem nesse papel, CARACA! Por ultimo e menos importante, Andrés e Sergio, ambos não tiveram muita participação, mas colaboram no desenvolvimento do dialogo.

Conclusão

Não posso falar muito do filme, pois assim posso entregar um spoiler facilmente. El Bar é um filme simples, mas que tem um bom desenvolvimento e a trama foi bem construída ao ponto de nos causa aflição. Assim como, não podemos esquecer que filmes com essa temática, sempre tem uma boa reflexão para guardar e com El Bar não é diferente, afinal o que o ser humano é capaz de fazer para sobreviver? Já se imaginou em uma situação como está? Você seria capaz de tomar as mesmas atitudes que os principais?

Ana Letícia

18 anos de pura confusão e sedentarismo. Amo assistir filmes e sofrer por Doramas. Nas horas vagas adora ler e conferir uma serie nova na Netflix.

Comente

Your email address will not be published. Required fields are marked *

%d blogueiros gostam disto: